terça-feira, 3 de maio de 2011

Aloe vera barbadensis ( Babosa ) II

ALOE vera ( Babosa ) II

Na Grécia antiga, usavam-na para curar dores de estômago, alergias, dores de cabeça, queimaduras, manchas da pele e ferimentos em geral.
Os soviéticos descobriram que cura até congestão nasal.
Os cientistas da atualidade comprovaram que ela é: Adstringente, antibiótica, coagulante, inibidora da dor, e estimulante da regeneração dos tecidos e consequentemente ajuda na renovação das células.
Apesar dos esforços dos cientistas da atualidade, ainda não conseguiram desvendar todas as propriedades da Aloe vera. Ela é constituída por 96% de água e 4% de moléculas de carboidratos e essa mistura que proporciona um papel importantíssimo, o de penetrar profundamente em qualquer tecido e exercer os seus efeitos prodigiosos.
Foram identificados na sua composição polissacarídeos contendo glicose, galactose e xilose, tanino, esteróides, ácidos orgânicos, substâncias antibióticas, vários tipos de enzimas, xantonas ( substância que combate os radicais livres), uma proteína com 18 aminoácidos, vitaminas, minerais; sulfato, cobre, ferro, manganês, cálcio, sódio, potássio, selênio, etc.
A folha da babosa possui internamente uma geléia aonde se concentra as suas substâncias ativas responsáveis pelo seu poder de cura.
Essa geléia é rica em vitamina C, que é a principal responsável na parte imunológica do nosso organismo.
O potássio colabora na manutenção do ritmo cardíaco, além de estimular as funções renais.
O cálcio acelera a coagulação do sangue e ativa as enzimas, ele também é responsável pelo controle do batimento cardíaco.
O sódio juntamente com o potássio estabiliza o nível de hidratação do organismo.
O manganês auxilia na eficiência das enzimas digestivas, impedindo a formação das pedras nos rins.
O ferro é um dos componentes da hemoglobina, na sua falta provoca a anemia.
O que se sabe é que o gel da Aloe vera, tem um grande poder de penetração nos tecidos, ajudando na construção das células novas e retirando as células mortas. É por isso que ela opera a cicatrização mais rápida dos ferimentos e apressa a cura das queimaduras
No caso das contusões e ferimentos, a utilização da babosa tem se mostrado muita eficácia, acelerando a recuperação do paciente.
Os pesquisadores americanos e soviéticos mostram que o gel da Aloe vera é um alimento poderoso na cura de diversos males: Uma experiência feita com 20 pessoas que sofriam de úlceras, ingeriram diariamente, durante 1 mês certas doses do gel da planta e eles ficaram totalmente curados, sem recaídas posteriores.
Muitas pessoas que estão tomando o gel diariamente, estão se sentindo melhoras sensíveis nas suas funções intestinais e nos seus estados de saúde em geral.
Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário